Skip to main content
Skip to footer

Características e Funcionalidades

Interface de Utilização 

 

Funcionalidades gerais

O GEN-Timber é uma ferramenta simples e intuitiva que permite verificar a resistência e estabilidade de estruturas de madeira de acordo com o Eurocódigo 5 (EN 1995-1-1:2004). É possível importar secções, combinações de ações e esforços através de modelos SAP2000 para realizar o dimensionamento no GEN-Timber.

 

 

Gestor de unidades

Esta ferramenta fornece a lista completa de unidades compostas. É possível alterar as unidades compostas sem alterar diretamente as unidades base recorrendo à opção Enable Dependent Units Change On Unit Change.
 

 

Editor numérico

Os resultados numéricos podem ser editados fazendo duplo click sobre os valores, sendo possível introduzir novas unidades, operações e funções matemáticas nas células correspondentes.
 


 


 

Materiais 

 

  • Por defeito, o programa inclui a base de dados da madeira maciça e da madeira lamelada colada. No entanto, o utilizador pode especificar outros tipos de materiais utilizando a opção Other e introduzindo as suas propriedades mecânicas nas respetivas colunas

  • Está ainda disponível a importação da base de dados de materiais através do ficheiro de texto Materials.txt, localizado na diretoria de instalação do programa
     

 

 

 

Secções 


As propriedades geométricas das secções transversais são calculadas automaticamente pelo programa. O utilizador pode ainda fazer overwrite de alguns parâmetros tais como kshape, kh,y, kh,z, km, Iy, Iz e Itor.
 


 

 

 

Elementos 

 

Neste menu, o utilizador pode alterar os valores de Ke e Kt, que correspondem aos coeficientes efetivos de encurvadura e de bambeamento, respetivamente. É possível ainda fazer overwrite ao fator kcr para obtenção da curva de bambeamento.

 

 

 

 

Combinações de ações 

 

O utilizador pode adicionar, eliminar ou renomear as combinações de ações. A classe de duração das ações, utilizada para o cálculo do kmod, pode ser definida de acordo com:

  • Ação permanente
  • Ação de longa duração
  • Ações de média duração
  • Ação de curta duração
  • Ação instantânea

 

 

 

 

Esforços internos 

 

A tabela de esforços internos é criada automaticamente através dos dados existentes nas tabelas anteriores. O utilizador pode introduzir os valores de N, Vy, Vz, My, Mz e T para diferentes localizações da barra (output-station).

 

 

 

 

 

Verificação de resultados 

 

Funcionalidades gerais

  • Os resultados são apresentados para os casos de análise definidos anteriormente e para diferentes localizações da barra

  • Os valores intermédios de cálculo, bem como os parâmetros utilizados, são sempre apresentados para total transparência

  • A tabela de resultados pode ser exportada para o Excel

  • É possível consultar os resultados em quaisquer unidades recorrendo ao conversor de unidades integrado
     

 

Verificações de Estado Limite Último

  • Tracção paralela ao fio (EC5 – 6.1.2)

  • Compressão paralela ao fio (EC5 – 6.1.4)

  • Flexão simples (EC5 – 6.1.6)

  • Corte (EC5 – 6.1.7)

  • Torção (EC5 – 6.1.8)

  • Flexão desviada composta com tracção (EC5 – 6.2.3)

  • Flexão desviada composta com compressão (EC5 – 6.2.4)

  • Verificações de encurvadura para pilares à compressão simples ou à flexão desviada composta (EC5 – 6.3.2)

  • Verificações de bambeamento para vigas à flexão simples ou à flexão composta (EC5 – 6.3.3)

 

 


 

 

Resumo dos resultados 

 

  • A tabela com o resumo dos resultados é criada automaticamente para cada combinação de ações definidas em estado limite último e para diferentes localizações da barra
  • O programa calcula os rácios de resistência/capacidade de acordo com as expressões do Eurocódigo 5. Para rácios superiores a 1.0, ou seja, quando a secção não verifica a segurança, o programa emite um alerta ao utilizador

  • O GEN-Timber mostra as fórmulas utilizadas nos cálculos para cada verificação de acordo com o Eurocódigo 5

 

 


 

 

Interação com o SAP2000 

 

  • Importação seletiva das barras de madeira existentes num modelo SAP2000:

    • Designações dos materiais

    • Características das secções transversais

    • Barras com as respetivas propriedades

    • Combinações de dimensionamento

    • Esforços de extremidade e ao longo das barras por combinação

  • Possibilidade de edição de todos os dados importados do SAP2000